Geral

Mensalão petista na FAPEMA?

 

Os petistas Fernando Magalhães e Paulo Romão, ligados ao vice-governador Washington Luis, foram beneficiados com pomposas bolsas de estudo da FAPEMA durante o ano de 2010.

Vinculada à Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior, a Fundação de Amparo a Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), deveria incentivar a realização de projetos de pesquisa, contribuindo para a formação e fixação de talentos humanos. O órgão distribui bolsas para estudantes que apresentam trabalhos de pesquisa científica.

A bolsa para os estudantes do nível superior contemplados é de R$ 360,00. Estranhamente, os petistas recebiam entre R$ 1.600,00 e R$ 3.200,00 mensais.

Fernando e Romão são ligados a ala derrotada do PT. Durante o encontro que definiria os rumos do PT na eleição de 2010, ambos votaram pelo apoio à governadora Roseana Sarney. A maioria do partido decidiu seguir com Flávio Dino, porém, o diretório nacional interveio e entregou o PT a família Sarney.

Fernando é Secretário Geral do PT no Estado. O rapaz deve ser estudioso, pois segundo o Portal da Transparência, ele recebeu o incentivo de R$ 32.000,00 referente ao ano de 2010. Seu assessor Romão, não muito dedicado aos estudos, recebeu apenas R$ 16.000,00.

Post alterado às 13:00 h para acréscimo e correção de informações.

Deixe uma resposta