Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

TCE erra, mas se corrige ao retirar de lista de inelegebilidade Galdino, Adelmo e Camarão

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA) cometeu graves equívocos na formação da lista dos gestores com irregularidades nas contas passíveis de inelegibilidade, ou para ser mais claro, os que podem ser declarados pelo TRE-MA “ficha suja” por condenação no órgão de contas.

Dois exemplos claros, já identificados e reconhecidos são dos secretários de Estado Felipe Camarão (Educação) e Diego Galdino (Cultura e Turismo) e do ex-secretário de Agricultura Familiar Adelmo Soares, que será candidato a deputado estadual. Os dois enviaram ao TCE contas de gestores anteriores para que fosse feita tomada de contas especial.

Camarão abriu pedido de tomada de contas de um ex-gestor da Seduc do exercício de 2008 e a irregularidade foi nesta prestação de quando ele nem era secretário e ainda pediu a investigação. Um erro grotesco. O mesmo caso foi identificado com o secretário Diego Galdino e o ex-secretário Adelmo Soares.

A Assessoria de comunicação do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA) confirmou ao Blog que houve equívoco do servidor no momento do fechamento, que não se atentou ao Acordão de que os dois referidos secretários não foram os responsáveis pelas contas e estava fazendo a correção no sistema.

O TCE endossou que a lista é passível de erros e que está sempre disposto a corrigir alguma falha dentro do que é o correto. No final da tarde desta quarta-feira (1º), o TCE já havia retirado os secretários da lista.

Do blog do Clodoaldo Correa