Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

Eduardo Braide pode não conseguir apoio do PHS e da Rede

O deputado estadual e pré-candidato ao governo, Eduardo Braide (PMN), corre contra o tempo para tentar viabilizar-se como postulante ao Palácio dos Leões nas eleições de outubro. O principal dilema do parlamentar é em relação aos partidos que possivelmente formarão seu arco de alianças.

Em busca de uma legenda que lhe dê tempo de televisão e participação nos debates – até o oligarca José Sarney está ajudando nessa missão – Eduardo Braide vai perdendo tempo e os possíveis aliados ao seu projeto.

Além do seu PMN, Braide faz suas contas contando também com Podemos, PHS, Avante e Rede. Desses quatro partidos que ele pretende dispor em sua aliança, pelo menos dois estão praticamente fora.

O PHS lançou a pré-candidatura de Coronel Monteiro ao governo do Estado, e deve mantê-la para as eleições de outubro.

Já a Rede está mais perto de uma aliança com Flávio Dino do que com Eduardo Braide.

Em vez de estar agregando partidos ao seu projeto, Braide ainda convive com uma possível debandada dos poucos que ainda podem apoiar sua possível candidatura.

2 Comnetários

Comments are closed.