Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

Sampaio Corrêa vence o River e garante vaga na fase de grupos do Nordestão 2019

GUSTAVO ARRUDA

Foi com mais dificuldade que o previsto, mas o Sampaio Corrêa está garantido na fase de grupos da Copa do Nordeste de 2019. Em um Estádio Castelão castigado pelas fortes chuvas que caíram em São Luís durante a noite desta quarta-feira (25), a Bolívia Querida sofreu para impor seu jogo e permitiu alguns avanços perigosos do River, principalmente na etapa final. Entretanto, com grande atuação do estreante Alvinho, o Sampaio venceu por 3 a 0 e confirmou a classificação na competição regional, já que o primeiro duelo, disputado em Teresina, terminou com um empate por 2 a 2.

Melhor em campo no primeiro tempo, apesar do gramado encharcado, o Sampaio Corrêa abriu vantagem aos 24 minutos, em cobrança de pênalti do atacante Carlão. Na etapa final, o River acertou uma bola na trave e obrigou Andrey a fazer uma grande defesa em conclusão de Eduardo, mas o Bolivão sacramentou a vitória com dois gols de Alvinho, aos 34 e 36 minutos.

Com a vitória sobre o River, o Sampaio Corrêa garantiu, pela quinta temporada seguida, a presença na fase de grupos da Copa do Nordeste. Em 2019, o futebol maranhense será representado no Nordestão pelo Tubarão e pelo Moto Club, que garantiu vaga com o título estadual, enquanto o Piauí, com a eliminação do River, terá apenas o Altos na disputa.

Depois de cumprir a missão na Copa do Nordeste, o Sampaio Corrêa volta as suas atenções para o Campeonato Brasileiro Série B. O próximo jogo do Tubarão na Segundona será na tarde deste sábado (28), às 16h30, contra o Vila Nova, no Estádio Serra Dourada. O River, por sua vez, não tem mais compromissos nesta temporada e inicia o planejamento para 2019, quando disputará três competições: Campeonato Piauiense, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro Série D.

O jogo

Por causa da chuva, o gramado do Castelão ficou alagado e prejudicou o início de partida entre Sampaio Corrêa e River. Sem conseguir trocar passes e fazer jogadas em velocidade, a Bolívia Querida teve a primeira chance em um chute de Bruninho, aos 11 minutos, que saiu pela linha de fundo.

Aos poucos, o Sampaio Corrêa assumiu o domínio da partida, superando o River e a chuva. Bruninho, aos 20 minutos, ganhou a disputa com a zaga riverina, mas não concluiu bem a jogada. Aos 24, entretanto, o Tubarão abriu o placar: após ser derrubado por Madson na grande área, o atacante Carlão cobrou pênalti com categoria e fez o primeiro gol do time maranhense.

Pouco à vontade em campo, o River acordou com o gol sofrido e levou perigo ao Sampaio Corrêa. Aos 27 minutos, Márcio Diogo recebeu passe de Eduardo e chutou forte, para fora. Mesmo com a vantagem no placar, o Sampaio não diminuiu o ritmo: aos 37, Bruninho passou pela marcação e bateu para o gol, mas Vitor Paiva estava atento e evitou o segundo gol do Tubarão.

River sufoca, mas Alvinho resolve o jogo para o Sampaio

Depois de dominar o River na etapa inicial de partida, o Sampaio Corrêa não conseguiu manter o ritmo no segundo tempo e permitiu o avanço da equipe piauiense, que começou a assustar a defesa do Tubarão. Aos sete minutos, o atacante Daniel arriscou o chute, que bateu na trave, voltou nas costas do goleiro Andrey e saiu pela linha de fundo.

Enquanto o Sampaio Corrêa sofria para voltar ao campo de ataque, o River pressionava em busca do empate. Aos 25 minutos, Madson levantou a bola para a grande área e Eduardo conseguiu o desvio de cabeça, mas Andrey fez a defesa e salvou a Bolívia Querida.

Em meio ao seu pior momento no jogo, o Sampaio Corrêa contou com a estrela de Alvinho para garantir a classificação. Aos 34 minutos, o atacante recebeu cruzamento de Bruno Moura e desviou para as redes. Pouco depois, aos 36, Alvinho aproveitou rebote de Vitor Paiva, após conclusão de Marlon, e fez o seu segundo gol na partida, decretando a classificação do Tubarão.

FICHA TÉCNICA

SAMPAIO CORRÊA: Andrey; Bruno Moura, Joécio, Maracás e João Vitor; Silva (César Sampaio), Willian Oliveira, Marlon e Danielzinho (João Paulo); Bruninho e Carlão (Alvinho). Treinador: Francisco Diá

RIVER: Vitor Paiva; Madson, Marlon, Alexandre (Lucas Dias) e Flavinho; João Paulo, Juliano, Márcio Diogo (Fabiano) e Marcos Vinícius (Sharle); Daniel e Eduardo. Treinador: Wallace Lemos