Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

“Fake news”, diz Rodrigo Lago sobre reportagem do EMA contra Edimar Cutrim

O secretário de Transparência e Controle Interno (STC), Rodrigo Lago, classificou como “fakenews” a reportagem publicada no jornal O Estado do Maranhão, na edição desta terça-feira (23), sobre um suposto pedido da STC ao Ministério Púbico para apurar possível ato de improbidade por parte do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Edmar Cutrim.

Em postagem publicada no Twitter, Lago explicou que isso jamais poderia ocorrer devido à falta de competência do própria Secretaria.

“Mentiroso contumaz, o jornal O Estado do Maranhão “noticia” hoje que o Governo do Maranhão, através da Secretaria de Transparência, investigou um conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. Lógico que é fakenews! A Secretaria de Transparência e Controle do Governo do Maranhão é o órgão do controle Interno do poder Executivo. Jamais poderia investigar ou auditar outros poderes. É o TCE/MA quem audita o Executivo, nunca o contrário”.

O secretário disse que houve um erro numa portaria do MP e mostrou indignação pelo fato do jornal não procurar ouvir as pessoas envolvidas.

“Um erro material em uma portaria do MP, facilmente identificável, mencionando o nome da Secretaria de Transparência foi o suficiente para despertar a ira difamatória do jornal O Estado do Maranhão contra o governador Flávio Dino. A mentirosa “reportagem” do jornal O Estado do Maranhão cita nominalmente três autoridades, além de mim, um conselheiro do TCE/MA e uma promotora do MP/MA. Certamente não ouviram nenhum dos três antes de publicarem a mentira”.

Por fim, Rodrigo  revelou que se trata de uma denuncia antiga, ou seja, faltou apuração ao matutino da família Sarney.

“Bastava ligar ao MP/MA para que O Estado do Maranhão soubesse que se tratava de acusação requentada contra o conselheiro Edmar Cutrim, que já foi arquivada pela PGR, pelo STJ e pelo TCE/MA. E provavelmente o será pelo MP/MA. E a Transparência nem existia quando foi ela foi feita. O que incomoda os adversários do governador Flavio Dino é que, além de resultados concretos e revolucionários em diversas áreas, o seu governo é nota 10 na Transparência, segundo avaliações externas e independentes”.