Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

E se o PRB escolher Cléber Verde para Indústria e Comércio? Sarney também vai vetar?

Com o pedido de demissão do ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, presidente nacional do PRB, anunciado ontem, o Planalto já avalia qual será o critério de escolha para o novo comandante da pasta.

De acordo com assessores do presidente Michel Temer, a tendência é que o Ministério continue com o PRB, já que o Planalto está com receio de que alterar o mapa da distribuição de cargos na Esplanada dos Ministérios possa interferir em seus planos políticos – um deles é tentar aprovar a reforma da Previdência.

Homem de confiança de Marcos Pereira e líder do PRB na Câmara, o deputado federal maranhense Cleber Verde é um dos nomes mais cotados para assumir o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

Nessa situação, Michel Temer pode mais uma vez ter problemas para indicar o seu ministro. A situação é exatamente a mesma de Pedro Fernandes (PTB-MA), que foi vetado por José Sarney para assumir o Ministério do Trabalho e Emprego.

Assim como Fernandes, Cleber Verde era aliado de Sarney no passado e hoje faz parte do campo de alianças do governador Flávio Dino. O que será que fará o oligarca agora se o parlamentar maranhense for mesmo indicado pelo PRB?

Tentará cooptar o partido para apoiar a candidatura da sua filha, Roseana, ao governo do Estado exigindo o rompimento com Flávio Dino e, se Verde não aceitar, vetará seu nome para o Ministério, como fez com Pedro Fernandes?

Ou apenas não perseguirá ninguém que não reza na sua cartilha e deixará a escolha nacional do partido decidir quem bem ela quiser?

Somente nos próximos episódios das novelas que são as escolhas dos ministros de Temer é que saberemos a resposta.

7 Comnetários

    1. Tu és um analfabeto político. ..Tu achas msm que essa oligarquia NEFASTA que arruinou o Maranhão nesses anos é melhor que o governo de Flávio Dino. ..Essa jogadora de baralho, se tiver coragem de enfrentar FD irá pegar uma surra nas urnas pra nunca mais ESQUECER.

  1. Flávio Dino possui um viés ideológico que pode ser definido como “esquerda roxa”. O governador sabia perfeitamente em que terreno estava pisando quando agiu como “mega-super-top defensor plus” da dupla Dilma & Lula. Tem consciência de que é visto como adversário não só do MDB, por toda as suas posições públicas.

    Se Cléber Verde for indicado a algum cargo e vier a ser vetado. O principal culpado serão as posições e atitudes do seu neo-padrinho.

    Tradicionalmente, a indicação cabe ao Partido, mas a nomeação cabe ao Presidente, que acata ou não o nome indicado.

    Quem aceitaria reforçar um adversário, que já declarou que nas próximas eleições estará pedindo votos pro adversário do próprio Presidente??
    Flávio Dino aceitaria nomear em seu governo um indicado que votará em Roseana em 2018 ??

    1. Eu acho te falar de ou em favor Dino é perca de tempo pois um comunista esquerdista responsável que passa 23 anos sem repassar o aumento do salário anual de seus funcionários aliás os funcionários do Estado é o primeiro na lista de governadores que eu já vi nesses mais de 30 anos esse aí deve ser discípulo do kadafi o presidente da Síria e o da Coreia do Norte ele deve ter aprendido tudo isso com o ex-presidente Lula que é um seguidor de Chávez e maduro eu dou um pelo outro não quero volta

Comments are closed.