Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Câmara presidida por Fufuquinha é um escárnio

Blog do Josias – Ninguém prestou muita atenção. Entretanto, além de acomodar Rodrigo Maia na presidência da Câmara, os deputados colocaram Fábio Ramalho (PMDB-MG) na vice-presidência da Casa. E ainda elegeram André Fufuca (PP-MA) como segundo vice-presidente. De absurdo em absurdo, chegou-se ao ápice do constrangimento.

Michel Temer, o lamentável, passará oito dias na China. Entregará a chave do gabinete presidencial a Rodrigo Maia, o impensável. Famoso pelos jantares mineiros que serve aos colegas, Fábio Ramalho, o inacreditável, integrará a comitiva presidencial como convidado de honra.

Assim, responderá pela presidência da Câmara por intermináveis oito dias André Fufuca, o inaceitável. Fufuquinha, como é chamado na intimidade, exerce o seu primeiro mandato federal. Até aqui, sua maior realização havia sido integrar a milícia parlamentar de Eduardo Cunha. O deputado considera Cunha um injustiçado. Chegou a compará-lo a Tiradentes.

Muita gente deve ter começado a rezar para que a viagem presidencial à China termine bem. Se alguma coisa acontecesse com o avião que transporta o lamentável e o inacreditável, o país ficaria nas mãos do impensável. E o comando da Câmara seria entregue ao inaceitável. Trinta segundos de Fufuquinha já seria um absurdo. Oito dias é um escárnio….