Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Andréa Murad e Sarney querem atrapalhar abertura do hospital de Ortopedia e Traumatologia

Uma das mais importantes ações do Governo Flávio Dino na área da saúde, o Hospital de Ortopedia e Traumatologia tem sido alvo de ataques sórdidos da deputada Andrea Murad em conluio com os asseclas da oligarquia Sarney. Como está acontecendo em todas as boas ações do atual governo, os mesmos personagens que tiveram as chances de fazer no passado estrebucham a cada iniciativa que irá melhorar a vida da população maranhense.

O Hospital de Ortopedia e Traumatologia vai consertar mais uma aberração da gestão Murad na saúde. E é por isso que Andrea anda tão incomodada com a nova unidade. Na administração de Ricardo – que, segundo a Polícia Federal é chefe de quadrilha que desviou bilhões da saúde – o Hospital Geral foi concebido para atender pacientes com câncer, mas possuía um puxadinho para as demandas de ortopedia.

Com a construção de uma unidade exclusiva para ortopedia e traumatologia, Flávio Dino vai qualificar o atendimento para essa especialidade e, finalmente, o Maranhão terá um hospital específico para o tratamento de pacientes com câncer. A iniciativa vai melhorar o atendimento de duas importantes áreas não só para os ludovicenses, mas para todos os maranhenses.

Os ataques rasteiros a um projeto que vai beneficiar, e muito, a vida do povo do Maranhão faz parte de mais uma maldade da oligarquia Sarney Murad, que vê o sonho de voltar ao poder cada vez mais distante com as realizações do governador Flávio Dino que estão transformando o estado.

Neste caso, qual será o interesse dos Sarney/Murad com a abertura de uma unidade que será tão importante para os maranhenses? Será só maldade de famílias que maltrataram o povo ou existe algum interesse econômico contrariado?

O fato de Flávio Dino fazer o que eles tiveram a oportunidade e não fizeram em 50 anos incomoda muito. É por isso que eles esperneiam e atacam tanto, mesmo se tratando de um grande benefício para os maranhenses.

Comantário

Comments are closed.