Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Pesquisa Escutec deve revelar tendência de queda de Eliziane Gama

Neste domingo, a Escutec deve divulgar mais uma pesquisa de intenções de voto para a corrida pela Prefeitura de São Luís. O levantamento, encomendado pelo PMDB, deve apontar uma tendência que vem sendo registrada nos últimos meses, a queda da popularidade da deputada federal Eliziane Gama.

Essa vai ser a terceira pesquisa realizada pelo Instituto Escutec para analisar o cenário político da capital, em todas, a disputa ficou polarizada entre Eliziane Gama e o prefeito Edivaldo Holanda Júnior e desde que foram divulgados os primeiros números a deputada caiu mais de 20 pontos percentuais.

No dia 20 de maio, o Jornal o Estado do Maranhão divulgou a primeira pesquisa, vários cenários foram analisados, inclusive com a governadora Roseana Sarney, mas vamos tomar como base apenas o cenário que manteve pré-candidatos que continuam até hoje.  Neste quadro a deputada Eliziane Gama aparecia com 42,8% das intenções de voto contra 13,3% de Edivaldo Holanda Júnior.

No dia 13 de setembro, mais uma pesquisa Escutec mostra os números da capital, quatro meses depois a deputada, pronta para se filiar a REDE e em pé de guerra com o PPS, marca 28,7% contra 20,6% do prefeito, uma queda de 14 pontos de Eliziane e um crescimento de 7 pontos percentuais de Holandinha.

Conforme o blog apurou a nova pesquisa Escutec deve apresentar uma diferença menor que 5% entre os dois principais candidatos a Prefeitura de São Luís.

Em dezembro outro instituto divulgou uma nova pesquisa, dessa vez a Exata encomendada pela TV Guará, Eliziane surgia com 26% contra 25% de Edivaldo.

Essa queda livre que Eliziane Gama vive nas pesquisas é motivada pela instabilidade política que a própria deputada se meteu nos últimos tempos, pingando entre partidos e sem definição. A deputada já criou algumas polêmicas dentro do meio político, com o deputado Othelino que inclusive deixou o PPS, com Dutra que não se filiou a REDE por causa da deputada, com Bira que criticou a possibilidade dela ir para o PSB e mais recentemente com o Pastor Porto que quase deixou o PPS pelo modo centralizador que Gama comanda seu mandato. Tudo isso isola Eliziane e cria uma agenda negativa na imprensa contra a deputada.

Em contrapartida o prefeito Edivaldo Holanda, como já dissemos, vive o melhor momento da gestão e isso é um combustível para a reeleição. Se Castelo chegava desgastado quando perdeu a Prefeitura, Holandinha está em franco crescimento. A parceria com o Governo do Estado revigorou a atual administração, além disso, ações capitais fazem o conceito do prefeito mudar perante a população como as obras do programa Interbairros, a entrega de títulos de moradia e o Bilhete Único.

Outro ponto que deve ser analisado para explicar a “subida e queda” de Eliziane é o fato de ela ser uma candidata que nunca teve mandato majoritário e por isso tem pouca rejeição, com o tempo o próprio eleitor percebe a dificuldade de confiar em um candidato sem qualquer experiência.  Além disso, ela vive um fenômeno que aconteceu com Tadeu Palácio, que surgiu como salvador e depois perdeu força e acabou decepcionando nas eleições.

2 Comnetários

  1. Mito é uma gato com 7vidas”uma gestão é de 4anos ,não de 7anos” se em tres anos não mudou nada, nao é no ano eleitoral que povo de Saoluis vai dar uma reeleição ao EDH. A cidade de Saoluis ficou velha sem vida como mais 4anos com essa gestão . Vamos morrer! !!

  2. Blogueiro não acerta uma cadê a pesquisa que você tanto comentou a queda da deputada federal eliziane Gama . Quero ver você publicar a pesquisa escutec já disponibilizou os dados . O prefeito Edivaldo que você tanto puxa saco cada dia caindo mais não vai a lugar nenhum até castelo ganhando dele . Edivaldo só sobe mesmo só se for no foguete de Alcantara . Eliziane prefeita de São Luís

Comments are closed.