Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Candidatura de Gastão Vieira em estado de alerta

Ex-ministro corre risco eleitoral por ter suplente ficha-suja.
Ex-ministro corre risco eleitoral por ter suplente ficha-suja.

Não foi fácil para o Tribunal Regional Eleitoral aceitar a candidatura de Raimundo Monteiro (PMDB) a suplente de senador de Gastão Vieira (PMDB). Mesmo sem a menor plausibilidade, a candidatura de Raimundo Monteiro passou por uma vista grossa enorme.

O blog acompanhou este e outros julgamentos realizados pela Justiça Eleitoral maranhense e já apurou que o Ministério Público Eleitoral e a candidata Valéria Campos (PSB) vão recorrer da decisão dos juízes eleitorais.

Agora, o caso ficará a cargo do Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília. Por ser “ficha suja” apontado inclusive na lista do Tribunal de Contas da União como gestor com contas rejeitadas, Monteiro será julgado pelos ministros em Brasília.

O caso de Monteiro é muito difícil. Afinal, a Corte será pressionada pela imprensa nacional caso dê guarida a um político que está na lista de fichas-sujas.

No Maranhão, Monteiro é peixe pequeno. O maior prejudicado poderá ser o ex-ministro Gastão Vieira (PMDB). Pois, se na hipótese de uma provável cassação da candidatura de Monteiro em Brasília, Monteiro não cai sozinho.

Caem juntos ele e sua chapa: Gastão Vieira e Remi Ribeiro, ambos do PMDB.