Suspenso o julgamento do caso Remoel - Marrapá

Geral

Suspenso o julgamento do caso Remoel

roubo-cemarFoi adiado, na manhã desta terça-feira (24), o julgamento do recurso relatado pelo desembargador Guerreiro Junior contra a decisão que obriga o Governo do Maranhão a pagar cerca de R$ 200 milhões à empresa Remoel, relativos à dívida deixada pela Cemar antes da sua privatização pela ex-governadora Roseana Sarney.

A suspensão atendeu ao pedido da Procuradoria Geral do Estado, que requereu que o recurso seja apreciado somente após o Supremo Tribunal Federal se manifestar sobre a Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) contra a Lei Estadual que transferiu para o governo a responsabilidade sobre o débito.

A Adin busca livrar os cofres estaduais de mais essa dívida milionária, baseada no relatório da procuradora Sandra Lúcia Mendes Alves Elouf que constatou diversas irregularidades no caso e pediu a sua apreciação constitucional.

A representante do Ministério Público Estadual considera que a lei causídica, aprovada na Assembleia Legislativa do Maranhão, foi criada na “tentativa de repassar para o Estado do Maranhão a responsabilidade por um débito milionário que, diga-se de passagem, jamais foi comprovado, no claro intuito de beneficiar a Remoel”.

Comments are closed.