Suplentes, ex-deputados estão de olho nas eleições municipais - Marrapá

Destaque

Suplentes, ex-deputados estão de olho nas eleições municipais

Cerca de 10 deputados estaduais devem disputar as eleições municipais de 2020. E os suplentes já estão de olho em possíveis cadeiras que poderão ficar disponíveis no ano de 2021 no Palácio Manuel Beckman.

São Luís é a cidade que mais pode mudar a configuração da Assembleia. Com cinco nomes que deverão disputar a sucessão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, os suplentes já esperam ansiosos se abrirá uma vaga para eles.

Quem tem mais chances de assumir uma cadeira a partir de 2021 é a ex-deputada Valéria Macedo (PDT). Suplente na coligação que reuniu PDT / PCdoB / PSB / PRB / PR / DEM / PP / PTC / AVANTE, ela é a próxima da lista para assumir e a que tem mais chances, já que nada menos que seis nomes da coalizão disputarão as eleições em 2020.

São eles: Duarte Júnior (PCdoB por São Luís), Neto Evangelista (DEM por São Luís), Marco Aurélio (PCdoB por Imperatriz), Rafael Leitoa (PDT por Timon) e Zito Rolim (PDT por Codó).

Outros ex-deputados também podem voltar para a Assembleia dependendo do desempenho dos companheiros de coligação. Logo após Valéria Macedo estão Raimundo Cutrim (PCdoB) e Francisca Primo (PCdoB).

São Luís também pode ser responsável por colocar Guilherme Paz (PSDB) na Assembleia Legislativa. Para isso, basta que Wellington do Curso (PSDB) seja o vencedor nas eleições de 2020.

Quem também pode assumir uma cadeira no Palácio da Assembleia é a ex-deputada Socorro Waquim (MDB), caso Adriano Sarney (PV) seja o próximo sucessor de Edivaldo Holanda júnior.

Socorro também está de olho nas eleições de Barra do Corda, já que outro deputado da sua coligação MDB / PV / PSD / PSC / PMB / PRP, Rigo Teles (PV), disputará as eleições em Barra do Corda. Caso ambos vençam, Léo Cunha (PSC) também voltaria a ser deputado.

Outra cidade que também pode mudar a configuração da Assembleia é Tuntum. Se Fernando Pessoa (SD) for eleito prefeito da cidade, o ex-deputado Fábio Braga (SD) volta para a Assembleia. Quem também deverá disputar as eleições pelo SD, em São Luís, é Dr. Yglésio. O que aumenta as esperanças de Toca Serra (PATRI).