Sarney abandona “irmão de alma” - Marrapá

Geral

Sarney abandona “irmão de alma”

Depois de usufruir dos favores e privilégios dos governos Lula e Dilma (PT), o ex-presidente José Sarney (PMDB) faz um silêncio ensurdecedor sobre os pedidos de socorro dos petistas.

Mesmo mantendo quase todos os cargos federais no Maranhão, cedidos pelo PT nacional, Sarney faz jogo duplo sobre a defesa do governo: afaga e apedreja.

A bancada de deputados federais do Maranhão sob o controle de Sarney opera nos bastidores a favor do impeachment e engrossa o caldo das manifestações anti-Dilma e Lula.

Cruel, o Sarney que se locupletou no petismo vai à mídia dizer que o governo Dilma “acabou”, em uma clara demonstração de desprezo e abandono daqueles que tanto lhe ajudaram a manter e ampliar poderes na República.

Na principal coluna social do jornal O Estado do Maranhão (fundado por Sarney), onde Lula outrora era elogiado, agora é menosprezado. As loas são todas para FHC.

Lula fez por Sarney todos os sacrifícios, até mesmo o estelionato eleitoral de 2010, quando veio ao Maranhão anunciar a construção da refinaria premium da Petrobras, em Bacabeira, apenas para ajudar a candidatura de Roseana Sarney governo.

Continue a ler no blog do Ed Wilson…

Comments are closed.