Para 89,3% dos manifestantes dos atos em defesa da educação, situação econômica piorou com Bolsonaro - Marrapá

No Banner to display


Destaque

Para 89,3% dos manifestantes dos atos em defesa da educação, situação econômica piorou com Bolsonaro

O instituto Datailha, em pesquisa realizada durante as manifestações em defesa da educação na última quinta-feira, 30 de maio, aferiu que a grande maioria dos manifestantes acha que a situação econômica do país piorou com Bolsonaro.

Os dados da pesquisa mostram que 89,3% dos manifestantes informaram que a situação econômica do país piorou.

E para 59,7% dos entrevistados, a vida econômica pessoal piorou.