Othelino sai em defesa de Márcio Jerry e critica acusações infundadas de Andrea Murad - Marrapá

No Banner to display


Geral

Othelino sai em defesa de Márcio Jerry e critica acusações infundadas de Andrea Murad

 Para o deputado, Andrea Murad desrespeita a figura feminina quando diminui a dirigente partidária, Lene Rodrigues.
Para o deputado, Andrea Murad desrespeita a figura feminina quando diminui a dirigente partidária, Lene Rodrigues.

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) saiu em defesa do secretário  estadual de Articulação Política, jornalista Márcio Jerry (PCdoB), na sessão desta segunda-feira (09), após críticas feitas pela oposicionista Andrea Murad (PMDB) sobre nomeações no governo Flávio Dino. Segundo o governista, o auxiliar não teve participação decisiva na escolha da chefe de gabinete do governador, Joslene Rodrigues, com quem mantém relacionamento afetivo, como quis passar na tribuna a peemedebista, pois ela já milita no PCdoB há 16 anos e seu perfil, por si só, foi determinante para assumir o posto.

Para o deputado, Andrea Murad desrespeita a figura feminina quando diminui a dirigente partidária Lene Rodrigues que, muito antes de ter relação afetiva com Marcio Jerry, já era militante e dirigente do partido. O parlamentar acrescentou que a hoje chefe de gabinete é uma das líderes com maior destaque no PCdoB local e reconhecida pela direção nacional da sigla. “Eles se conheceram na luta. O secretário não precisou fazer da Lene secretária até porque ele não a nomeou”, frisou.

Othelino criticou também a deputada do PMDB por conta de um trocadilho feito na tribuna, mostrando a foto do secretário de Articulação Política e presidente do PCdoB, fazendo referência à estatura dele. “O Márcio Jerry é um baixinho do bem, inteligente, culto, bom caráter. Inclusive, certamente, é um baixinho que tem muito mais caráter do que muitos grandões aqui em nosso Estado”, afirmou.

O deputado do PCdoB ressaltou que, no atual governo, não existe nepotismo e não há nenhum parente do governador empregado ou nomeado no Estado e nem fazendo negócios com o Executivo. “Então, não dá para vocês virem agora querer desqualificar o governo Flávio Dino, que só está começando e está começando muito bem”, disse.

Modelo ultrapassado

Em seu discurso, Othelino enfatizou que quem julgou e aposentou determinados políticos do modelo ultrapassado, que puniam adversários, no Maranhão, foi o povo e não Flávio Dino. “Foi o povo do Maranhão que aposentou o modelo político ultrapassado que empobreceu o Estado e que punia e perseguia adversários políticos”, lembrou.

“Como disse o governador, esses leões já não rugem mais contra o povo do Maranhão. A senhora fala do atual comando do Estado como se não tivesse participado desse governo que destruiu o Maranhão e que nós estamos agora começando a reconstruir. Certamente, o que nós queremos para sua filha de cinco anos e para a minha filha de cinco anos é um Maranhão muito melhor, onde os hospitais funcionem, onde haja Segurança, Educação de qualidade, etc”, enfatizou Othelino.

Comments are closed.