Oligarquia passa a perna em Maura Jorge - Marrapá

No Banner to display


Destaque

Oligarquia passa a perna em Maura Jorge

A ex-prefeita Maura Jorge entrou nas eleições de 2018 com dois objetivos: servir de “laranja” da oligarquia Sarney e conseguir alguns cargos no governo Bolsonaro.

Passados quase cinco meses com o novo presidente eleito, Maura Jorge vê a oligarquia Sarney lhe passar a perna e ficar com todos os cargos federais que ela pensou que teria direito.

Sarney manteve Kátia Bogéa no Iphan nacional e Maurício Itapary no comando do órgão no Maranhão. Jones Braga também foi mantido na Codevasf.

O superintendente do Ministério da Agricultura, Antônio José dos Santos, também foi indicado pelos Sarney.

Já nos Correios, a superintendência está a cargo de Ricardo Melo Sousa Barroso, indicado pelo então deputado federal Victor Mendes (MDB), do grupo de Sarney.

Para Maura Jorge, que disse que distribuiria os cargos federais no Maranhão durante um comício na campanha, não restou absolutamente nada.

Ela já, inclusive, desistiu de andar com o pires na mão por Brasília.