Militar será julgado por desvios de R$ 2,4 milhões na Base de Alcântara - Marrapá

No Banner to display


Destaque

Militar será julgado por desvios de R$ 2,4 milhões na Base de Alcântara

O STM (Superior Tribunal Militar) retoma o julgamento sobre desvios de R$ 2,4 milhões durante obras na Base de Alcântara.

O réu é um major-brigadeiro da reserva da Aeronáutica.

Herman Rubens Walemkamp é acusado de ter participado de um esquema que envolvia falsificação de notas fiscais.

Ele ainda teria pressionado um subordinado para gerar papéis falsos.

O esquema, segundo as investigações, consistia na falsificação de notas fiscais e boletins de medição de obras e em reajustes irregulares de valores contratados entre a Aeronáutica e a empreiteira Prescon.

A defesa nega.