Integrantes do cadastro de reserva da PM ano 2017 já estão mal vistos internamente - Marrapá

Destaque

Integrantes do cadastro de reserva da PM ano 2017 já estão mal vistos internamente

Os integrantes do cadastro de reserva do concurso da Polícia Militar realizado em 2017 já são mal vistos pelos futuros companheiros de corporação. Usados politicamente por deputados, eles estão com imagem de indisciplinados, o que já tem gerado críticas internas na Polícia.

Desde que saiu o resultado do concurso, a maioria dos integrantes que compõem o cadastro de reserva tem pressionado por nomeação imediata, mesmo o edital sendo claro quanto à forma que eles seriam incorporados à Polícia Militar.

A pressão exacerbada ao invés de ajudar tem acabado por atrapalhar os futuros policiais. Alguns dos próprios integrantes do cadastro de reserva acham que as manifestações e o uso político dos oposicionistas têm atrapalhado a nomeação.

Internamente, os oficiais e os policiais mais experientes comentam que os CR 2017 estão indisciplinados antes de entrarem na corporação, imagina quando eles estiverem dentro da Polícia Militar.

Após ficar mais de um mês “acampados” em frente ao Palácio dos Leões, armando um verdadeiro circo para que a oposição os usasse politicamente, os CR 2017 só conseguiram atrapalhar a nomeação deles próprios e se queimar internamente antes mesmo de vestirem a farda de policial militar.