Grande empresa de Balsas ameaçada por briga conjugal - Marrapá

Destaque

Grande empresa de Balsas ameaçada por briga conjugal

A empresa Risa S/A, de Balsas, consolidada no Maranhão e Piauí, está passando por sérios problemas devido a uma briga conjugal entre o dono, José Antônio Gorgen, e a ex-esposa, Salete Terezinha Gewehr. O empreendimento é um dos maiores da área de fertilizantes do estado.

Salete, que era vice-presidente da Risa, já moveu mais de 16 processos contra o ex-marido desde quando eles se separaram, requerendo benesses financeiras para continuar com a vida de luxo que leva, com carrões e frequentes viagens ao exterior.

Mesmo recebendo cerca de R$ 180 mil por mês da empresa, além de ter a disposição três carros da Risa, – ou seja, todos os seus direitos – Salete também quer a casa em que o casal vivia. José Antônio alega que o imóvel serve como moradia do presidente da empresa, para que ele fique mais próximo do dia a dia da fazenda e do campo experimental.

O imbróglio judicial e conjugal tem atrapalhado os negócios da empresa, sobretudo pelo fato de Salete ainda querer arbitrar no empreendimento, principalmente na parte financeira.

Um boletim de ocorrência de agressão chegou a ser aberto por funcionárias da empresa contra Salete, que invadiu o departamento financeiro da Risa e retirou todo o dinheiro que estava no caixa, cerca de R$ 24 mil, após empurrar as funcionárias que cuidavam da quantia.

A Risa está seriamente ameaçada devido à postura de Salete Terezinha. Devido a confusão conjugal, a empresa deixará de plantar 35 mil hectares nessa safra, porque alguns clientes antigos resolveram cancelar os pedidos de produção por se sentirem inseguros com a atual indefinição administrativa. O que impedirá a geração de 400 novos empregos.

Para se ter uma ideia do prejuízo, em apenas uma dessas negociações que foram suspensas, a Risa deixará de faturar mais de R$ 37 milhões. O futuro da empresa e dos empregados está completamente indefinido por causa dos caprichos de Salete Terezinha.

3 Comnetários

  1. Que matéria mais abjeta, totalmente tendenciosa e venal. Um absurdo completo onde não se ouve o outro lado. Enfim um horror.

  2. Certamente o editor dessa matéria está totalmente equivocado e fala sem o devido conhecimento e autoridade necessária pra falar sobre a empresa RISA. A RISA é uma empresa consolidada, futurista, “pé no chão”, e de grande importância e relevância para todo o estado do Maranhão. A RISA está firme e forte, gerando alimentos para alimentar mundo, gerando desenvolvimento na região, gerando renda e emprego as famílias no Maranhão e Piaui. Seus acionistas e colaboradores, mais do que nunca, estão comprometidos com o progresso, continuidade e crescimento da empresa RISA. Força e Honra para todos!

Comments are closed.