Folha relembra que Adriano Sarney operou crédito consignado no Senado - Marrapá

Destaque

Folha relembra que Adriano Sarney operou crédito consignado no Senado

Uma reportagem da Folha de São Paulo da edição desta sexta-feira, 07, relembrou que Adriano Sarney operou a venda de crédito consignado Senado, quando seu avô, José Sarney, era presidente da Casa.

A matéria fala sobre o escândalo dos atos secretos do Senado, que completa dez anos nesta semana com o julgamento dos servidores investigados à espera de um desfecho há quatro anos na segunda instância da Justiça Federal.

O escândalo dos atos secretos levou à maior crise administrativa da história do Senado. Uma sindicância interna identificou em 2009 a existência de 663 boletins usados clandestinamente para nomear parentes de servidores e senadores e criar cargos, benefícios e privilégios.

A crise política quase culminou, na época, na queda de Sarney da presidência do Senado. Com o apoio do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o emedebista conseguiu barrar pedidos de investigação no Conselho de Ética, além de segurar a pressão para que renunciasse.

O namorado de uma neta de Sarney chegou a ser nomeado por ato secreto. Revelou-se ainda que um neto do político, o agora deputado Adriano Sarney, operou a venda de crédito consignado na Casa.

A Sarcris Consultoria, Serviços e Participações Ltda, empresa de Adriano, recebeu autorização de seis bancos para intermediar a concessão de empréstimos aos servidores com desconto na folha de pagamento quando seu avô presidia o senado.

Dez anos depois, hoje ele é deputado pelo Maranhão.

3 Comnetários

  1. Eu queria saber o que leva VOCÊS do governo a inventar tanta história sobre o Deputado Estadual Adriano???. Ao invés de atacar o Deputado Estadual Adriano com mentiras.
    Por quê o governo não explica o Rombo no FEPA, EMAP, Contra a Reforma da Previdência???. Sendo que será investigado agora pelo TCU esses acontecimentos no EMAP.
    Então para de inventar história e comece a dá explicação dos fatos ocorridos no Estado, explica ao povo sobre novo escândalo de espionagem aos desembargadores, essa falta de respeito com o povo Maranhense.
    Engraçado de tudo isso é que o Flávio Dino fala tanto em crise…gasta milhões nos meios de comunicação, propagandas mentirosa, sendo que a realidade no Estado é totalmente diferente da propaganda.
    Cadê as nomeações dos 1800 policiais???? Por quê ele não chama esses PMS??? Os bandidos estão tomando de conta do Estado.
    Invés de atacar e inventa mentiras sobre o Deputado Estadual Adriano começa a cobrar do governador de vocês o que anda acontecendo de fato no Estado.

  2. Se o Blog do Flávio Dino (Marrapá) tenta manchar a imagem de alguém de qualquer jeito, até com afirmações que foram comprovadas serem mentira, é porque a pessoa está no rumo certo. Deputado Adriano, continue firme e forte contra esses comunistas! #ComunistasNuncaMais

Comments are closed.