Dino: “Existirem milhares de regimes previdenciários diferentes seria uma balbúrdia jurídica” - Marrapá

Destaque

Dino: “Existirem milhares de regimes previdenciários diferentes seria uma balbúrdia jurídica”

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), disse a O Antagonista que não concorda com a “carta de repúdio” divulgada mais cedo por Ibaneis Rocha (MDB), em nome dos chefes do Executivo, contra a retirada de estados e municípios da reforma da Previdência.

“Nem eu nem a maioria dos governadores. A carta ainda estava sendo debatida. Não sei quem se precipitou, só sei que não existe carta aprovada pela maioria.”

Perguntado se acha que a pressão dos governadores será suficiente para manter estados e municípios na proposta, Dino respondeu:

“Essa reforma que está tramitando eu não apoio. Precisa melhorar muito. Em melhorando, é claro que regime previdenciário dos servidores tem que ser para todos. Inclusive militares. Existirem milhares de regimes previdenciários diferentes no Brasil seria, aí sim, uma balbúrdia jurídica.” (O Antagonista)