Base de Alcântara: Dutra lamenta que o povo pobre é sempre o último - Marrapá

Destaque

Base de Alcântara: Dutra lamenta que o povo pobre é sempre o último

O Prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, manifestou preocupação com as comunidades quilombolas de Alcântara em virtude do acordo assinado entre Brasil e os Estados Unidos, que concede o uso comercial da Base de Alcântara.

Ao longo de mais de 30 anos, Dutra se dedicou à defesa das comunidades quilombolas e na manutenção das suas tradições. No entanto, com o novo acordo do uso comercial da Base, as comunidades estão novamente ameaçadas.

Para ele, o ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, que esteve em São Luís, não ofereceu garantias da preservação dos direitos das comunidades quilombolas, fato que gerou preocupação.

“O que me preocupa é que mais uma vez as comunidades quilombolas de Alcântara ficaram para depois, ou seja, na visão do Estado, o povo pobre é sempre o último”, pontuou Dutra.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.