Arrecadação de impostos federais é a maior para maio desde 2014 - Marrapá

Destaque

Arrecadação de impostos federais é a maior para maio desde 2014

A arrecadação federal de impostos registrou uma alta real de 1,92% em maio frente ao mesmo período de um ano atrás e chegou a R$ 113,278 bilhões. Na série atualizada pela inflação, o resultado representa o melhor desempenho para o mês desde 2014 (R$ 116,237 bilhões).

De acordo com os números divulgados pela Receita Federal, sem correção inflacionária, a receita com impostos e contribuições mostraria uma alta de 6,67% em maio ante mesmo mês do ano passado, quando a arrecadação total somou R$ 106,192 bilhões (valor corrente).

Considerando somente o valor arrecadado com tributação, nas receitas administradas pelo fisco, houve alta real de 1,84%, na comparação com um ano atrás. A alta nominal ficaria em 6,58%. Em maio, a arrecadação com receitas administradas somou R$ 110,753 bilhões.

Já a receita própria de outros órgãos federais (onde estão os dados de royalties de petróleo, por exemplo) foi de R$ 2,525 bilhões no mês passado, aumento real de 5,78% na comparação com o mesmo mês de 2018. Em termos nominais, essas receitas subiriam 10,7% em maio, em relação ao mesmo mês de 2018.

No acumulado do ano, a arrecadação chegou a R$ 637,649 bilhões em valores correntes. O valor representa um aumento real de 1,28% contra mesmo período do ano passado. Em valores nominais, o crescimento foi de 5,68%. No acumulado do ano, o desempenho também foi o melhor para o período desde 2014 (R$ 653,047 bilhões – valor corrigido).

Com informações do Valor Econômico