Geral

“Será muito constrangedor e até insano”, diz Eliziane caso Câmara não aceite denuncia contra Temer

A deputada federal Eliziane Gama usou a tribuna da Câmara nesta quarta-feira, 12, para comentar o parecer do deputado Sérgio Zveiter (PMDB-RJ) pela aceitação de denúncia por crime de corrupção passiva contra Michel Temer.

“Será muito constrangedor e até insano se esta casa, este plenário, não admitir um relatório de um relator do partido do presidente da República que é denunciado por crime comum, dentro os outros que ainda virão este agora corrupção passiva”.

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara começou hoje a fase de debate sobre a denúncia contra o presidente Michel Temer. A análise da acusação pelo crime de corrupção passiva apresentada pela Procuradoria-Geral da República contra Temer pelos membros da CCJ é uma das etapas do processo antes de seguir para votação no plenário da Câmara.

Segundo a deputada, mais de 40% da população tem vergonha de ser brasileira e um dos motivos seria a conduta do peemedebista.

“Entre os vários alimentos, eu não tenho nenhuma duvida que um deles seja a atuação e a permanência do atual presidente Michel Temer”.

Implacável no combate à corrupção, Gama votou a favor da cassação da ex-presidente Dilma; agora, mantém a coerência ao defender a abertura de inquérito contra Temer.

Comantário

  1. Te enganaram e você caiu. Veja aqui:

    o Milionário-João-Santana, publicitário do Lula-Dilma-PT, e Mônica-Milionária-Moura [«Danoninho Vale por Um Bifinho»] é que convenceram — e convencem ainda — a ACHAR que o PT, o Petismo e Lula são “O Cara”, “””o guerreiro””, que é doce Coração-Valente© (rsrsrs), que está do lado do pobre etc. etc.
    Tudo picaretagem, embuste, charlatanismo e vigarice do PT, de dilma (a-baranga-de-BH) e do brega PT.
    Propaganda & publicidade.
    Tornar o barangão & o ruim, bom e elegante: Via propaganda…
    PT = ícone de esquerda; enganadores de inocentes.
    (Temer é aguinha-com-açúcar perto).
    PT é Kitsch e barangão.

Comments are closed.