Geral

Roseana Sarney quer Luis Fernando e Arnaldo Melo no programa de Edinho

Para a governadora, os dois "picolés de chuchu" agregariam votos à candidatura de Edinho Lobão.
Para a governadora, os dois “picolés de chuchu” podem livrar Edinho Lobão do fiasco.

A governadora Roseana Sarney (PMDB) exigiu dos marqueteiros Elcinho Mouco e Antônio Melo a participação do presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, Arnaldo Melo (PMDB), no programa eleitoral do candidato a governador Edinho Lobão (PMDB).

Candidato a vice-governador da chapa governista, Arnaldo não esconde de ninguém que não tem mais qualquer perspectiva de vencer em outubro e se empenha apenas pela eleição da filha, Nina Melo (PMDB), candidata a deputada estadual. A governadora, no entanto, acredita que ele terá condições de capitalizar votos em favor de Edinho Lobão.

Para Roseana, outro que deveria ganhar espaço na campanha do candidato governista é o ex-secretário da Casa Civil e Infraestrutura do governo do Maranhão, Luís Fernando Silva (PMDB), que abdicou da disputa pelo Palácio dos Leões com um melhor desempenho que Edinho.

Na avaliação da filha de José Sarney, o ex-prefeito de São José de Ribamar faria o contraponto ideal à gestão de Edivaldo Holanda Junior (PTC) em São Luís. Ela reconhece, porém, que será difícil convencê-lo da missão. Ainda mais depois de tudo o que o grupo Sarney fez com ele.

Luís Fernando Silva abriu mão de concorrer ao governo do Maranhão após a desistência de Roseana em concorrer ao Senado Federal. Descobriu-se, depois, que ele temia também ser relacionado, no meio da campanha eleitoral, com as negociatas envolvendo o doleiro Alberto Yousseff – preso pela Polícia Federal em um hotel de São Luís, depois de entregar uma mala preta com R$ 1,4 milhão em propina para assessores da governadora.

Há quem garanta, inclusive, que são amistosas as conversas entre Luís Fernando Silva e Flávio Dino (PCdoB), candidato a governador pelas oposições.

Comments are closed.