Geral

PT buscará apoio de PSDB para diretas

Blog do Vermelho

A oposição no Congresso encontrou espaço para dialogar com o PSDB, em um pedido por Diretas Já. A informação de uma possível aproximação correu os bastidores da política, após o líder do PT na Câmara, Carlos Zarattini (PT-SP), afirmar que vai procurar deputados descontentes da sigla.

“Vamos tentar falar com eles (tucanos) para um acordo sobre eleições diretas. Nosso objetivo é tirar o Temer”, teria dito Zarattini, segundo reportagem do Estadão. O sinal foi manifestado após a declaração do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Cardoso pediu que Michel Temer tenha um “gesto de grandeza” e antecipe as eleições presidenciais. “Não havendo aceitação generalizada de sua validade, ou há um gesto de grandeza por parte de quem legalmente detém o poder pedindo antecipação de eleições gerais ou o poder se erode de tal forma que as ruas pedirão a ruptura da regra vigente exigindo antecipação do voto”, disse FHC ao jornal O Globo.

A intenção da oposição é encontrar espaço para aprovar a denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR), que deve ser enviada nos próximos dias ao Congresso, investigando Temer por corurpção passiva, obstrução à Justiça e organização criminosa.

“A ideia é fazer uma grande mobilização popular para ampliar o nosso campo. Se olharmos os números de hoje não temos [votos para afastar Temer e fazer uma nova eleição] mas os números de hoje não são os de amanhã”, disse o líder do PT na Câmara, Carlos Zarattini (PT-SP)