Justiça anula eleição de presidente da Câmara de Timon - Marrapá

Destaque

Justiça anula eleição de presidente da Câmara de Timon

O juiz Rogério Monteles da Costa anulou a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Vereadores de Timon, que alçou, de forma irregular, o vereador Helber ao comando da Casa.

A sessão extraordinária manobrada pela presidente interina Socorro Waquim, para colocar nas mãos da oposição ao prefeito Luciano Leitoa a presidência da Câmara, foi suspensa por violação às formalidades previstas nos arts. 153 e 158 do Regimento Interno da Câmara Municipal de Timon.

O juiz Simeão Pereira, com aval do Ministério Público, até tentou anular a sessão, mas um oficial de justiça foi impedido de entrar na Câmara por aliados do vereador Helber. O caso ganhou mais notoriedade ainda depois que o vereador Ramon Júnior denunciou o magistrado e o promotor Antonio Borges por corrupção.

A confusão em relação a eleição da Câmara de Vereadores de Timon segue e quem perde é a população, já que a oposição está travando a votação do orçamento do ano de 2019.

O prefeito Luciano Leitoa já pediu bom senso para a oposição destravar a votação, já que ele pode ficar impossibilitado de manter os serviços públicos da cidade.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.