Destaques

Folha e Globo: indicado de Sarney para chefiar a PF causa assombro

O colunista Elio Gaspari, um dos mais respeitados do Brasil, escreve nesta quarta-feira (22) na Folha e no Globo sobre a estréia do novo diretor geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia. O novo chefe da PF foi indicado pelo ex-presidente José Sarney.

Para Gaspari, “é assombroso” que Segovia tenha assumido o cargo com um discurso em defesa do presidente Michel Temer ao dizer que a mala com R$ 500 mil apreendida com um investigado não prova corrupção.

“O delegado Segovia apresentou-se fazendo perguntas. É o que menos se espera de um chefe da Polícia Federal”, afirma o colunista.

“É assombroso ouvir do chefe da Polícia Federal que há muito a ser explicado e que ‘talvez seria bom, para que o Brasil inteiro soubesse, que houvesse uma transparência maior sobre como foi conduzida aquela investigação’. Ótima ideia. Sem ‘talvez’, Segovia poderia ter anunciado que, a partir de hoje, fará isso”, acrescenta.

Gaspari ainda chama atenção para o fato de Temer ter ido à posse do novo diretor da PF.

2 Comnetários

  1. Qdo ouvi esta notícia ontem, em parte da mídia, quase me precipitei em interpretá-la de maneira tendenciosa, entretanto, se formos ler o próprio Jornal O Globo, de ontem (21/11/17), veremos de forma mais contextualizada, abaixo segue um pequeno trecho :

    “Para ele, a apuração do caso foi encerrada de forma precoce pela Procuradoria- Geral da República, então comandada por Rodrigo Janot, e deveria ter durado “mais tempo…”.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *