Geral

Confusão no Comitê de Imprensa da Assembléia Legislativa vira caso de polícia.

Os jornalistas Marco D’Eça e André Martins devem ser intimados nas próximas horas para prestarem depoimentos sobre as acusações de agressão verbal e tentativa de agressão física contra o radialista e advogado César Bello.

Os dois serão ouvidos pelo delegado Sebastião Cabral, no dia 11 de março, às 9 horas. Outros jornalistas envolvidos na confusão também serão convidados para depor.

O episódio que culminou na queixa ocorreu ontem, no Comitê de Imprensa da Assembléia Legislativa. César Bello, que tem se destacado por sua postura crítica em seu blog, foi agredido verbalmente e por pouco não levou uma surra dos jornalistas ligados ao Sistema Mirante. Houve intervenção da segurança da Casa e a sessão foi suspensa por causa do bate-boca.

Bello é conhecido por ser opositor ferrenho do governo Roseana Sarney. Sua credibilidade, desempenho e o sucesso do seu blog têm incomodado a mídia ligada a Oligarquia Sarney, que tenta desqualificá-lo de todas a formas e expulsá-lo do Comitê de Imprensa da Assembléia Legislativa.

Deixe uma resposta