Geral

Bancada maranhense rejeita salário mínimo de R$ 560

A Câmara dos Deputados rejeitou, nesta quarta-feira, a emenda que aumentaria o salário mínimo para R$ 560,00. A proposta era defendida pelas centrais sindicais e partidos de oposição.

O governo havia afirmado anteriormente que não poderia dar aumento maior do que R$ 545, valor que já havia sido aprovado pelos deputados em votação anterior.

Recentemente, os mesmos deputados saquearam os cofres públicos, sem seguir orientação do Governo e nem pensar em cortes de gastos. Eles aumentaram o próprio salário em 61,8%, passando de R$ 16,5 mil para 26,7% mil, numa votação bem mais rápida do que a do salário mínimo, que durou 7 horas.

No final da sessão, houve a distribuição de bombons, relembrando o dia de São Cosme e Damião, como forma de zombar do povo brasileiro.

Abaixo o nome dos deputados maranhenses e seu posicionamento diante do aumento: “sim” significa que aprovou o salário de R$ 560 e “não” significa que rejeitou.

Alberto Filho PMDB MA Não

Carlos Brandão PSDB MA Sim

Cleber Verde PRB MA Não

Davi Alves Silva Júnior PR MA Não

Domingos Dutra PT MA Não

Edivaldo Holanda Junior PTC MA Não

Gastão Vieira PMDB MA Não

Hélio Santos PSDB MA Sim

Lourival Mendes PTdoB MA Não

Luciano Moreira PMDB MA Não

Pedro Fernandes PTB MA Não

Pinto Itamaraty PSDB MA Sim

Professor Setimo PMDB MA Não

Ribamar Alves PSB MA Não

Sarney Filho PV MA Abstenção

Waldir Maranhão PP MA Não

Zé Vieira PR MA Não

Deixe uma resposta