Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

Sâmara Braúna diz que não é “laranja” de Thiago Diaz na OAB

A candidata à presidência da OAB seccional Maranhão, Sâmara Braúna, enviou resposta ao blog sobre postagem feita ontem em relação à sua candidatura. Em nota, ela reitera que sua entrada na disputa não se deu para ser “laranja” do atual presidente da Ordem, Thiago Diaz, como deixou transparecer outro postulante ao posto, o advogado Aldenor Rebouças.

Talvez a foto em que Sâmara aparece de laranja ao lado de Thiago Diaz tenha motivado a advogada a fazer ilações contra o blog, quando apenas o Marrapá repercutiu as conversas de bastidores que estão ocorrendo sobre as eleições da OAB/MA.

Por respeito e espírito democrático, o blog publica os esclarecimentos de Sâmara Braúna:

Acerca da postagem publicada em seu blog que, de forma ofensiva, me atribui a condição de “candidata laranja”. Em resposta ao post referido, gostaria de afirmar o seguinte:

1 – Sou candidata de um grupo de advogadas e advogados que se encontra inconformado com a atual gestão de Ordem dos Advogados do Brasil. Represento a verdadeira oposição aos métodos e práticas instalados na OAB. Sou a candidata que representa a advogada maranhense, os jovens e todos aqueles que hoje não se sentem representados pela OAB.

2 – Percebo, pelas postagens, que o seu blog revela uma clara preferência pelo candidato Carlos Brissac. Vejo isso pela falta de isenção nos seus textos, que demonstram uma certa falta de atenção na apuração das notícias que não são adequadamente checadas. Os motivos que lhe levam a isso, não irei questionar. Seus leitores – e patrocinadores – certamente saberão avaliar. Contudo, gostaria de registrar que os advogados maranhenses cansaram desse tipo de campanha, onde as propostas ficam em segundo plano e os “debates” se transformam em espaço para ofender a honra e imagem dos candidatos.

3 – Minha candidatura não tem qualquer vínculo com os atuais dirigentes da Ordem dos Advogados do Brasil. Muito menos com os dirigentes anteriores, que buscam a todo custo retomar o poder.

4 – Estive presente na reunião onde os grupos de oposição tentaram se reunir em torno de uma candidatura única. Sei exatamente os motivos que levaram os demais a aderir à candidatura daquele que se encontrava – e se encontra ainda – em pior colocação nas pesquisas. Garanto a você que a união não se deu em torno de propostas, mas de cargos e de um único projeto: conquistar o poder. Basta ver o que os candidatos hoje reunidos falavam uns dos outros antes das eleições para que se constate que as propostas, se é que existiam, dificilmente seriam conciliáveis. Os advogados maranhenses lembram bem o que Roberto Feitosa e Pedro Alencar falavam da gestão de Mario Macieira. Fui a única candidata a defender a ampliação da participação das mulheres nos conselhos e na diretoria da OAB.

5 – Sou advogada. Conheço os problemas da advocacia. Nunca disputei nenhum cargo em eleições da OAB. Não estava ao lado daqueles que usam o discurso e as faces do novo para esconder os planos de velhos caciques da politica da OAB, que se revezam no poder há quase 3 décadas.

6 – Seguirei minha campanha, divulgando minhas ideias e propostas. Não usarei esse momento para ofender a imagem de candidatos. Não é porque sou mulher que irei aceitar que a minha candidatura sirva de motivo para ofensas a minha honra. Tenho uma história na advocacia. Mereço respeito. Aliás, a advocacia maranhense merece respeito. Merece uma campanha de nível mais elevado.

Ficarei agradecida pela publicação dos presentes esclarecimentos.

Samara Braúna

Comantário

  1. Sou conhecedor da saga militante da Dra. Sâmara Braúna. Uma advogada que faz da profissão um verdadeiro sacerdócio. Vive a advocacia 24h por dia!
    Sem dúvida alguma será eleita presidente da Seccional da OAB/MÁ.

Comments are closed.