Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

EMA demite editor de política

O passaralho no jornal O Estado do Maranhão teve início antes do esperado. Cientes da derrota completa, com Roseana para o governo e Sarney Filho para o Senado, a oligarquia começa a repensar o jornalismo do seu pasquim. A primeira cabeça a rolar foi a do editor de política, Marco D’eça.

Raivoso em relação a Flávio Dino, o jornalista não tinha a mesma postura com os senadores Weverton e Eliziane, o que causou revolta na cúpula sarneyzista. Como um corte de pessoal será necessário com a derrota geral nas eleições, os donos do jornal aproveitaram logo para rifar aqueles que estavam dando problemas para seguir as ordens.

D’eça era um dos militantes sarneyzistas mais fervorosos, tanto assinando a coluna Estado Maior, quanto utilizando o seu blog. Sua fama de ódio a Flávio Dino atinge até grupos de WhatsApp, local que ele usa para desferir ataques baixos e desrespeitosos quase que diariamente contra o governador.

A demissão do editor do jornal O Estado do Maranhão a dois dias das eleições é só mais um sinal de que a oligarquia Sarney já está ciente da acachapante derrota que sofrerá.

Depois da eleição, o jornal O Estado do Maranhão, oferecido no mercado por R$ 140 mil por mês o arrendamento, não servirá nem para embolar peixe.

4 Comnetários

  1. Sugiro aos cleptoclãs da oligarquia aproveitarem a SORTE, muita SORTE e irem para MIAMI torrarem seus bilhões arrecadados no Maranhão/Brasil ……. enquanto ,……enquanto…..enquanto a JUSTIÇA DE DEUS NÃO CHEGA ……. está a caminho……com DEUS NINGUÉM FICA IMPUNE NEM OS SANTOS …….. IMAGINAM OS ….HONORÁVEIS BANDIDOS DE BILHÕES …….. de dinheiro público …..imaginam………. a MOENDA DE DEUS triturando …..veja o paulo maluf …..um bagaço na moenda de DEUS —-A LEI DE DEUS —–PLANTOU TERÁ QUE COLHER—- aguardemos………

Comments are closed.