Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

Conheça 6 fake news da família Sarney que já foram derrubadas na Justiça

Os veículos de comunicação e os jornalistas ligados à família Sarney têm sofrido uma série de derrotas na Justiça por espalhar fake news nestas eleições no Maranhão. Veja 7 mentiras que já renderam punições judiciais:

1) Manchete do jornal O Estado do Maranhão diz que Flávio Dino é inelegível. É MENTIRA, diz a Justiça
O jornal que tem Roseana Sarney como uma das donas estampou na manchete que o governador não poderia concorrer nas eleições. É fake news. A Justiça mandou o jornal dar direito de resposta a Flávio Dino.

2) Roseana Sarney diz na TV que tem apoio de Lula. É MENTIRA, diz a Justiça
A Justiça não teve dúvidas: quem tem o apoio de Lula no Maranhão é Flávio Dino. A candidata foi obrigada a retirar o programa do ar.

3) Edilázio Junior entra com ação para tirar Flávio Dino da eleição. NÃO FAZ SENTIDO, diz a Justiça
O deputado inventou uma tese segundo a qual o ex-procurador geral do Estado Rodrigo Maia teria sido escolhido irregularmente como representante da convenção de Flávio Dino. A Justiça decidiu o óbvio: a ação não faz nenhum sentido.

4) Rede social ligada a Sarney faz enquete tendenciosa em período eleitoral. NÃO PODE, diz a Justiça
O Instagram do jornalista Diego Emir, que trabalha para o MDB, publicou uma enquete tendenciosa contra Flávio Dino. A legislação eleitoral não permite. A Justiça mandou excluir a enquete.

5) Sarney faz ataques infundados a Flávio Dino. DIREITO DE RESPOSTA, decide a Justiça

Recentemente, José Sarney escreveu um artigo repleto de ataques a Flávio Dino, sem base nos fatos. A Justiça Eleitoral não teve dúvidas e determinou direito de resposta ao governador.

6) Pesquisa sem registro mostra Roseana Sarney na frente. É MENTIRA, diz a Justiça

No início do ano, o grupo ligado a Sarney lançou uma pesquisa sem registro que mostrava Roseana Sarney na liderança. A Justiça decidiu que a pesquisa era ilegal e sem fundamento.