Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

Rapidinhas da quarta-feira

Por cima

O deputado federal Zé Reinaldo resolveu ir por cima e procurou o presidenciável Geraldo Alckmin para confirmar a sua pré-candidatura ao Senado. Desentendido com o presidente estadual do PSDB, o senador Roberto Rocha, o ex-governador resolveu pôr fim as especulações de que Waldir Maranhão tomaria sua vaga e fez até Alckmin gravar um vídeo dando a sua palavra.

Imperatriz não

A ex-governadora Roseana Sarney continua dando mostras de que não gosta de Imperatriz, como fez nos 16 anos que esteve à frente do Maranhão. No próximo sábado, 20, o MDB realizará encontro regional da sigla na cidade, com as presenças do senador João Alberto, do deputado federal João Marcelo e do estadual Roberto Costa. Roseana já avisou que não irá ao encontro. Prefere ir para Coroatá.

Oligarquia Sarney foca na FIFA

De acordo com o principal assessor parlamentar do gabinete de Roberto Rocha no Senado Federal, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), um dos maiores antros de corrupção do país, vai indicar o nome de Fernando Sarney – vice-presidente da CBF – para concorrer à presidência da FIFA, entidade máxima do futebol mundial.

Piada

Para quem conhece futebol e, principalmente, a política que envolve o mundo da bola, cogitar o nome de Fernando Sarney para a presidência da FIFA soa como uma verdadeira piada. Além de não possuir nome limpo para envergar a estatura do cargo, o filho de José Sarney corre até mesmo da presidência da CBF com medo de que seus vários escândalos de corrupção venham à tona.

Além disso, o Brasil anda sem moral depois da votação que escolheu Canadá, Estados Unidos e México como as sedes da Copa do Mundo em 2026. O voto brasileiro no Marrocos, e não nos países vencedores do pleito, abriu uma crise diplomática, já que os 10 países da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) deveriam votar na candidatura da América do Norte, pois o apoio já estava formalizado em documento público fruto de uma reunião em abril. Por isso, não passa de piada um brasileiro assumir a FIFA. Ainda mais um Sarney.

Desligamento

Corre nos bastidores da política do futebol sul-americano que os países integrantes da Conmebol vão, inclusive, pedir o desligamento do presidente da CBF, Antônio Carlos Nunes, o Coronel Nunes, da entidade sul-americana e do próprio Fernando Sarney, tanto da Conmebol quanto da FIFA, onde possui cargos que lhe dão privilégios como salário mensal em euros e um apartamento funcional em Zurique, na Suíça. Tudo por conta da patacoada dos dirigentes brasileiros no caso da votação da Copa do Mundo de 2026.

Gastão com Zé Reinaldo

O pré-candidato a deputado federal Gastão Vieira (PROS) vai trabalhar pela eleição de Zé Reinaldo (PSDB) ao Senado Federal. O engajamento do ex-ministro de Dilma Rousseff na campanha do tucano é tão grande que até administrador em grupos de WhatsApp em apoio ao ex-governador ele já é.

3 Comnetários

  1. Isso coloca de vez uma pá de cal nessa investida totalmente antiética desse tal de Waldir Maranhão. O cara simplesmente não tem simancol mesmo, não cansa de passar vergonha e ser ridicularizado.

Comments are closed.