Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

Wellington do Curso quer se apropriar de decreto governamental

O decreto de autoria do Poder Executivo que determina a priorização da aplicação de advertência, por escrito, ao proprietário ou condutor do veículo, antes do seu recolhimento repercutiu positivamente na Assembleia Legislativa.

A determinação deverá ser publicada no Diário Oficial nos próximos dias. Na prática, a medida valerá para o caso de infrações leves ou médias, como as autuações por débitos de taxas de licenciamento, por exemplo. A determinação não valerá nos casos de reincidência.

Até o deputado oposicionista Max Barros (PMB) destacou a medida como um avanço do Governo do Estado. Em caso de leilão de veículos apreendidos em blitz por débitos de licenciamento, o recolhimento de veículos segue a determinação do Código de Trânsito Brasileiro.

E quem quis fazer a festa com o decreto do governador foi o deputado Wellington do Curso. O parlamentar que foi um dos maiores perseguidores do trabalho de excelência realizado pelo Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (BPRv) agora quer se apropriar da nova medida.

Não pegou muito bem para o dono do Curso Wellington essa tentativa de fazer a festa com o chapéu dos outros. O parlamentar que já virou chacota nas redes sociais por seus recorrentes devaneios agora quer virar pai de quem não é!

2 Comnetários

  1. Parabéns deputado Wellington! Você botou pressão e conseguiu barrar a insanidade comunista!!!

Comments are closed.