Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

“Eu não lhe respeitava como parlamentar. Hoje eu não lhe respeito como gente”, deputado Neto Evangelista aos ataques de Wellington do Curso contra João Evangelista

O clima esquentou na Assembleia Legislativa do Maranhão. Após declarações totalmente descabidas do deputado Wellington do Curso (PSDB) sobre a vida do ex-presidente da Casa João Evangelista, Neto Evangelista subiu à tribuna e rebateu o colega de parlamento.

O deputado do Curso citou o nome do ex-deputado João Evangelista e tentou ligar o nome do pai de Neto Evangelista a oligarquia Sarney. Wellington fez ilações querendo manchar o nome e a história do ex-presidente da Casa.

Neto pediu a palavra e afirmou que já não respeita mais Wellington de forma alguma. “Eu não lhe respeitava como parlamentar. Hoje eu não lhe respeito como gente”, disparou Neto em resposta aos ataques de Wellington do Curso contra João Evangelista.

Após o término da sessão plenária, os dois parlamentares se cruzaram, mas não trocaram palavras.

João Evangelista foi deputado estadual (1995–2010), vereador de São Luís e presidente da Assembleia Legislativa (2005–2009). O parlamentar foi vítima de um câncer e após vários meses internado no Hospital São Domingos faleceu em maio 2010.

5 Comnetários

  1. É natural e óbvio que a maioria dos políticos do estado do Maranhão de alguma forma tenha estado junto com a OLIGARQUIA afinal foram eles que sempre usaram o governo a seu bem familiar e sempre tiveram a frente do governo , mas isso não significa que eles tem que ficar junto a vida toda. O que esse tal de Wellington faz a bem do povo ? Nada. Parece que foi eleito só pra ficar com fuxiquinho parece coisa de quem não tem o que fazer, é no que dar o povo eleger qualquer um.

  2. Muitos que estão hj ao lado do governador Flávio dino foram sim.da cozinha sala e etc da casa dos Sarney o problema que a maioria dos politi os dançam de acordo com a música…É bem assim se fulano tá ganhando é p esse lado que eu vou se fulano tá perdendo deus.me.livre continuar com ele a política é assim.mesmo td semvergonhas

Comments are closed.