Publicidade  Prefeitura de São Luis

Destaque

Suicídio deve colocar blogueiro de volta na PF

O tema que tomou a blogosfera maranhense esta semana foi o suicídio de Mariano de Castro em Teresina, onde cumpria prisão domiciliar. A Polícia do Piauí ainda analisa as circunstâncias da morte. E o tema deve seguir para a Polícia Federal, já que Mariano cumpria pena justamente por crimes revelados em uma operação da PF.

A entrada dos federais no tema deve levar de volta à sede do Cohama um velho conhecido dos agentes. É que apenas três dias antes do suicídio, foi publicada na internet uma carta atribuída a Mariano. O texto foi divulgado pelo blogueiro Neto Ferreira.

Um dos filhos do também blogueiro Luís Cardoso, Neto é velho conhecido da PF. Há exato um ano, a Polícia Federal eclodiu a Operação Touring. Alvo: blogueiros que vazavam informações privilegiadas de investigações a fim de conseguir algum benefício direto.

Pois Neto Ferreira foi exatamente um dos que foi conduzido a se explicar. Hoje, 12 meses depois, o blogueiro aparece com uma carta que, se fosse de Mariano, estaria no material de investigação. O que levaria o blog a divulgar a carta quando estava em análise do Habeas Corpus de Mariano? No que a divulgação da carta influenciou no suicídio de Mariano? São perguntas que a PF ainda terá de responder.

3 Comnetários

  1. Não houve roubo dos R$ 18.000.000,00 implicando a cúpula do Governo do Estado e as cartas (duas) foram só invenção!? O suicida não as escreveu e a divulgação foi forçada por um blogueiro desqualificado? Brincadeira!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Comments are closed.