Geral

TSE cobra R$ 122 mil do MDB por irregularidades em gastos da legenda em 2010

Época – O TSE cobra R$ 122 mil do MDB referente a uma multa por uso irregular de recursos públicos em 2010. Os responsáveis pelas contas eram Michel Temer e Eunício Oliveira, presidente e tesoureiro do partido no período.