Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Rodoviários de São Luís cobram empresários e ameaçam fazer greve

Trabalhadores do transporte público da capital ameaçam uma nova paralisação diante de mais um atraso de salários por parte dos empresários.  Muitos rodoviários ainda não receberam parte dos pagamentos que deveria ter sido pago até o dia 20.

Existem situações, inclusive, que motoristas e cobradores estão impedidos de utilizar os planos de saúde e odontológico por falta de pagamento. O ticket alimentação não foi disponibilizado, além de outros direitos que não estão sendo concedidos, como férias, décimo terceiro salário e revisões contratuais.

“Estamos mais uma vez, diante do descaso com que os empresários tratam os trabalhadores que atuam no transporte público de São Luís. No início do mês, fomos obrigados a ameaçar parar, por falta de pagamento e agora, menos de 20 dias, nos deparamos com a mesma situação. Para a nossa categoria, existe uma Convenção Coletiva de Trabalho que é muito clara e estabelece de que forma e fixa as datas em que os pagamentos sejam realizados”, afirma Isaias Castelo Branco, presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.

Os advogados da entidade ingressaram com ações, junto ao Tribunal Regional do Trabalho, Ministério Público do Trabalho e Ministério do Trabalho e Emprego, exigindo que todos os pagamentos devidos sejam efetuados no prazo máximo de 72 horas. Caso o desrespeito por parte dos patrões prevaleça, o Sindicato  orientará os trabalhadores a cruzarem os braços.

Comantário

Comments are closed.