Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Rosângela Curado consegue habeas corpus e escapa da prisão

A ex-secretária adjunta de Saúde, Rosângela Curado, deve deixar a prisão nas próximas horas beneficiada com um habeas corpus emitido pela Terceira Turma do Tribunal Regional Federal.

Ontem (21), a Justiça Federal havia prorrogado a prisão de Curado e mais cincos suspeitos envolvidos na Operação Pegadores da Polícia Federal que investiga desvios de recursos públicos da Saúde.

O PDT, partido a qual Curado é filiada, chegou e emitir nota de solidariedade questionando os motivos da prisão preventiva devido a colaboração da pedetista e por ela não mais ocupar cargo no governo.

Antônio Augusto Aragão, Ideide Lopes, Luiz Marques Barbosa Júnior e Mariano de Castro Silva permanecem presos.