Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Após polêmica, Canindé suspende fiscalização em vias exclusivas

A Prefeitura de São Luís prorrogou por mais 30 dias o prazo para início da fiscalização nas faixas exclusivas de trânsito. A medida tem por objetivo “intensificar as campanhas educativas para ampliar o alcance das informações”, destacou nota da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT).

No último dia 10, os novos fotossenssores começaram a funcionar na capital, entretanto, as regras para utilização das faixas exclusivas causaram polêmica, principalmente, depois que foram pintadas de branco, dificultando a visualização.

Nos corredores exclusivos só estão autorizados trafegar ônibus, ambulâncias, táxis com passageiro e viaturas das polícias e da SMTT. A utilização de veículos comuns pelos corredores somente pode ser feita por quem vai estacionar ou fazer a conversão à direita.

Segundo a SMTT, nenhum motorista foi multado por transitar na via proibida. A fiscalização através dos fotossensores, já habitual aos condutores, continua a valer.

 

4 Comnetários

  1. FALTA SINALIZAÇÃO INFORMATIVA ANTES DOS PONTOS DA FISCALIZAÇÃO ELETRÔNICA, ISTO É OBRIGATÓRIO, PARECE PEGADINHA PROPOSITADA PARA CEIFAR A POPULAÇÃO COM MULTAS, MESMO SABENDO QUE ESTA ERRADO. MAIS UMA AÇÃO DANOSA A POPULAÇÃO PROMOVIDA PELO SENHOR CANINDÉ BARROS.

  2. Falta é vergonha na cara de certos motoristas fdp que fazem estripulias no trânsito dessa cidade. Azul, branca ou roxa não importa, a faixa mais a direita é dos ônibus, só não sabe quem nunca pegou a legislação de trânsito pra estudar e aqui ta cheio de idiotas dirigindo sem nunca ter frequentado uma autoescola, essa é a verdade e faz do trânsito um caos e ainda tem raiva das regras para organizar essa droga.

Comments are closed.