Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Lobinho fugiu do debate promovido pela Igreja Católica

Raimundo Garrone

Edinho Lobão fugiu do debate promovido pela Comissão Justiça e Paz da Arquidiocese de São Luís, nesta quarta-feira no auditório da OAB/MA em São Luís.

edinho-debateO debate já estava marcado há mais de uma semana, mas como envolve setores progressistas da Igreja, o candidato da oligarquia Sarney evitou ser confrontado com a realidade, que não consta do seu manual de sobrevivência.

A sua ausência demonstra a sua total falta de interesse em debater idéias com os movimentos sociais, já que suas propostas são voltadas para os grandes projetos econômicos, que relegam aos maranhenses os piores empregos.

Fugiu do debate porque sabe que o grupo que representa é responsável pela pobreza do estado, pelo latifúndio, e pelo aumento da violência na terra, que resultou no assassinato de vários líderes camponeses.

E logo ele faltar a um debate promovido pela Igreja depois de dizer em seu programa eleitoral na TV, que governar o Maranhão seria uma missão de Deus.

Mas nem pensar em discutir a possibilidade de dividir o pão…

Participaram do debate os candidatos Flávio Dino (PC do B), Saulo Arcangeli (PSTU), Antônio Pedrosa (PSOL) e professor Josivaldo Corrêa (PCB).