Publicidade  Prefeitura de São Luis

Geral

Com medo de ser presa, Roseana quase chora em entrevista ao Jornal Nacional

O blogueiro Luis Pablo postou no Youtube uma das imagens mais emblemáticas desta semana: A governadora Roseana Sarney à beira de um ataque de nervos, diante das acusações de que ela pode ter recebido R$ 1,4 milhão em suborno para autorizar o pagamento de R$ 120 milhões em precatórios à construtora Constran.

Obtidas durante a entrevista à Rede Globo, as imagens não deixam dúvidas sobre o desespero da governadora com o avanço das investigações relacionadas ao doleiro Alberto Yousseff, que intermediou o acordo com a Constran e foi preso na Operação Lava Jato, em um hotel de São Luís. Nelas, vemos uma Roseana Sarney apreensiva, trêmula e com os olhos marejados de lágrimas, ao se defender das acusações da contadora Meire Poza.

Ex-funcionária de Youssef, Meire fez um acordo de delação premiada e revelou, em depoimento à Polícia Federal, que a filha do oligarca José Sarney (PMDB) é a provável beneficiada com a propina milionária que estava dentro da mala preta do doleiro, entregue a um assessor do governo do Maranhão. De acordo com a contadora, a governadora tinha conhecimento da negociata.

Na véspera de deixar o Palácio dos Leões e fugir para Miami, Roseana rebateu as acusações, atribuindo a responsabilidade pelo pagamento ao Tribunal de Justiça do Maranhão, com a complacência do Ministério Público do Estado.

O Poder Judiciário, no entanto, se eximiu de qualquer participação no acordo com a Constran, desmoralizando ainda mais a mentora da candidatura de Edinho Lobão (PMDB) a governador, diante de todos os brasileiros que acompanharam a edição de ontem do Jornal Nacional.

Comments are closed.