Publicidade  Prefeitura de São Luis

Capacho de Roseana, Magno Bacelar teme ser a próxima vítima da pistolagem que assola o Maranhão

O deputado Magno Bacelar (PV), conhecido pela sua excentricidade, burrice e subserviência aos Sarneys, afirmou hoje, em discurso na Assembleia Legislativa, que teme ser a próxima vítima da pistolagem.

Bacelar acusou um concorrente político de ameaçá-lo de morte, e também se mostrou preocupado com a volta dos crimes de pistolagem no Maranhão: “Não podemos deixar que o Maranhão volte ao tempo de que tudo se resolvia na bala, tirando a vida das pessoas”, cobrou.

Disputa política a parte, a postura do deputado estadual só demonstra a desconfiança em relação à segurança pública do governo Roseana. A pistolagem no Maranhão tem feito vítimas entre empresários, políticos, lideranças indígenas e sindicalistas. E o expoente recente dessa onda de violência consequente da falência do sistema público de segurança no estado foi o jornalista Décio Sá – assassinado no mês passado na Litorânea.

Sobre a execução do jornalista, ainda não há nada de concreto. Nem mesmo retrato falado do responsável pelo foi divulgado. Informalmente, apenas algumas testemunhas foram ouvidas, dois suspeitos presos provisoriamente, e só.

Quando ao medo de Magno Bacelar, este só faz coro ao clamor da população maranhense, refém da insegurança e contando apenas com a sorte para se proteger da bandidagem. E ressalta a incompetência de Roseana e Aluísio Mendes diante do aumento da criminalidade no Maranhão.

Acorda, governadora!!! Quando nem mesmo os figurões, aliados, autoridades e jornalistas patrocinados pelo estado se sentem seguros, é sinal de que alguma coisa tem que ser feita urgentemente.

Ou será que o medo da evidente cassação desmotivou Roseana de vez?!

Comments are closed.